França oferece caças Rafale à Bélgica

0
194

O ministro belga da Defesa, Steven Vandeput, confirmou hoje (8 de setembro) que a França não respondeu ao convite para a substituição dos caças F-16, mas fez uma proposta direta para a Bélgica.

Falando na Rádio 1 da Bélgica, Vandeput, no entanto, não indicou se a oferta francesa seria levada em consideração. “Primeiro devemos considerar o status legal desta proposta”, disse ele.

No final da semana, apenas dois candidatos responderam formalmente: Lockheed Martin, com o F-35A Lightning II e o consórcio Eurofighter com o Typhoon.

Na quinta-feira passada, apenas algumas horas antes do prazo da concorrência, a ministra das Forças Armadas francesas, Florença Parly, fez um anúncio surpresa, dizendo que havia proposto à sua homóloga belga “o estabelecimento de uma parceria profunda entre nossos dois países para atender a necessidade expressada pelo Componente Aéreo das Forças Armadas belgas para novos aviões de combate.

Na manhã de sexta-feira, Vandeput disse que havia “dois candidatos envolvidos no procedimento oficial, além da proposta francesa”, mas não disse se seria possível levar esta última em consideração.

Advertisements
Advertisements

Comments

comments

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.