Air Berlin encerra suas operações hoje (28/10)

0
523
photo by Günter Wicker

A Air Berlin vai cessar as operações hoje (28/10/2017) cancelando todos os voos a partir dessa data, de acordo com informações cedidas pela assessoria de imprensa da companhia aérea.

A Agencia Alemã de Aviação Civil solicitou que as companhias aéreas Lufthansa, Eurowings, SWISS e Austrian Airlines “oferecem condições especiais (tarifa ‘rescue fare’)” aos passageiros “com voos de regresso na Air Berlin entre os dias 28 de outubro e 15 de novembro de 2017”, acrescentando que estas condições serão divulgadas no site de cada empresa.

Em nota a companhia anunciou que os passageiros com passagens agendadas do dia 29/10 em diante serão reembolsados pela empresa, ou quem a represente, em 50% do valor da tarifa que adquirir em outra companhia aérea que esteja participando do rescue fare, resumindo, se o passageiro precisar investir 1000€ o grupo Air Berlin devolverá 500€, o prazo para solicitar o reembolso vai até 15 de dezembro de 2017.

As condições especiais oferecidas aplicam-se apenas aos passageiros de voos entre países europeus e não aos de voos internos na Alemanha.

A “ANAC” alemã conhecida como Luftfahrt Bundesamt (LBA) indica ainda que “continuará acompanhando a situação da empresa e dos passageiros lesados em conjunto  com a Comissão Europeia para garantir que os direitos dos passageiros são assegurados”.

Em 12 de outubro, a Lufthansa anunciou que pretende adquirir as 81 aeronaves da Air Berlin e seus três mil funcionários, o acordo fechado entre o grupo Lufthansa e a Air Berlin chegou a 1,5 bilhão de Euros.

A Air Berlin, que não realiza voos de longa distância desde o dia 15 de outubro, a empresa declarou-se insolvente no dia 15 de agosto, depois de ter deixado de receber apoio financeiro da Etihad Airways, seu acionista majoritário, tendo várias companhias aéreas manifestado interesse em comprar a empresa, como a Ryanair, a Lufthansa, a Condor e a TUIfly.

A Lufthansa e a companhia de baixo custo EasyJet são as duas transportadoras aéreas escolhidas para comprarem os ativos da insolvente Air Berlin.

Recentemente a tripulação de um voo entre Miami e Dusselford Air Berlin se envolveu em um “escândalo”, dessa maneira que a imprensa decidiu julgar o ocorrido, após a tripulação ter feito um low pass acompanhado de um fly-by para homenagear os funcionários da empresa no aeroporto. Mesmo com o anuncio de encerramento das atividades da empresa, a tripulação foi afastada e uma investigação foi aberta para apurar se houve negligência por parte da tripulação.

Advertisements
Advertisements

Comments

comments

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.